Idealizado pelo grupo de teatro Clowns de Shakespeare, o Festival O Mundo Inteiro é um Palco chega à sua 4ª edição. Com o tema “Resistência e (Re)existência”, a maratona de 10 dias de espetáculos, oficinas e atividades de formação começou na última sexta-feira (23/9), nos jardins da Pinacoteca Potiguar e segue até o dia 2 de outubro, abordando os diferentes tipos de linguagens e mostrando que o teatro no Rio Grande do Norte está mais vivo do que nunca. Conferimos a abertura do festival através do espetáculo Tombo da Rainha, do Grupo Pele de Fulô (RN).

Foto: Taline Freitas

Foto: Taline Freitas

O espetáculo apresenta uma fábula do sertão, contando a história de seres místicos que vivem em um mundo invisível aos olhos humanos, mas se apresentam de forma carnal para alguns, para abençoar ou influenciar em suas decisões. Misturando manifestações populares nordestinas com afro-brasileiras, Tombo da Rainha ainda envolve linguagens circenses que dão uma magia especial à cena.

Na sua narrativa, a peça também mostra as disputas de poder e sua relação com a religiosidade, formando, assim, o eixo norteador para construção do mote dramatúrgico, além de suscitar uma discussão sobre o papel da mulher na sociedade. O projeto envolve alunos do curso de Teatro da UFRN.

Foto: Taline Freitas

Foto: Taline Freitas

Diferente das últimas edições, o quarto ano do projeto não conta com nenhum grande patrocínio, sendo resultado de pequenos apoios privados, do apoio cultural do Sesc RN, de uma campanha de financiamento coletivo na internet e, principalmente, do trabalho de vários artistas independentes e de coletivos teatrais de Natal, que se uniram em prol da continuidade do Festival.

Além de grupos locais, o festival também traz uma série de espetáculos nacionais vindos de Pernambuco, Ceará, Bahia, Rio Grande do Sul e São Paulo. Segundo a produção, todos os dias o Barracão Clowns vai receber uma programação gratuita na calçada do Barracão: pocket shows de música com Joana Knobbe, Zé Smith e Dudu Galvão; ações de leitura em parceria com a editora Jovens Escribas; exibição de curtas-metragens potiguares e também uma noite de shows com drag queens da cidade. A alimentação fica por conta dos food trucks que estão estacionados em frente ao local. O Barracão se localiza na Av. Amintas Barros, 4661, em Nova Descoberta.

Confira o álbum de fotos e a programação (a partir do dia 29/9) do festival logo abaixo:

 

 

29 de setembro

Oficinas

V@z(adouro) de contradições – Joana Knobbe (SP/RN) |Espaço A3| 9h – 13h

Mímica corporal dramática – Javier Cencig (Argentina/SP) | Gira Dança| 9h-13h

Mostra de processos II

Cores Teatro e Grupo Arkhétypos de Teatro | Espaço A3 | 15h

Espetáculos

Palafita – Grupo Fuzuê (CE) | A Boca | 19h

Eu Sou – Helder Vasconcelos (PE) | Barracão Clowns| 21h

Lounge

Shicó do Mamulengo| Barracão Clowns | 20h

 

30 de setembro

Oficinas

V@z(adouro) de contradições – Joana Knobbe (SP/RN) |Espaço A3| 9h – 13h

Mímica corporal dramática – Javier Cencig (Argentina/SP) | Gira Dança| 9h-13h

Leitura Dramatizada

A máscara e a sombra. L’arte della cortigiana! – Joice Aglae |DEART| 14h

Espetáculos

Memórias de Quintal – Bololô Cia Cênica (RN) | A Boca | 19h

Tu sois de onde? – Lineu Gabriel Guaraldo (PE) | Barracão Clowns| 21h

Lounge

Drag Night| Barracão Clowns | 20h

 

01 de outubro

Oficinas

Mímica corporal dramática – Javier Cencig (Argentina/SP) | Gira Dança| 9h-13h

Acrobacia Solo, Duo Acrobático e Equilíbrio – Edmar Cândido e Eric Vinícius (CE) |Galpão Tropa Trupe | 15h-18h

Espetáculos

Sancho Pança – O fiel escudeiro – Tropa Trupe (RN)| Pinacoteca | 17h

Casa do Louvor – Cia. Bagana de Teatro (RN) | Pinacoteca | 18h

Quando a vela apaga – S.E.M. Cia de Teatro (RN) | Pinacoteca | 19:30h

Tu sois de onde? – Lineu Gabriel Guaraldo (PE) | Barracão Clowns| 21h

Lounge

Atores e Autores| Barracão Clowns | 20h

 

02 de outubro

Oficina

Acrobacia Solo, Duo Acrobático e Equilíbrio – Edmar Cândido e Eric Vinícius (CE) |Galpão Tropa Trupe | 9h-12h

Espetáculos

1,2,3… conto outra vez – Grupo Estação de Teatro (RN) | Parque das Dunas| 10h

Gonzagando – Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão (RN) | Pinacoteca | 17h

Quando a vela apaga – S.E.M. Cia de Teatro (RN) | Pinacoteca | 19h

Violetas – Cia Violetas de Teatro (RN) | A Boca | 19h

Aquilo que o meu olhar guardou para você – Grupo Magiluth (PE) | Barracão Clowns| 21h

Lounge

Joana Knobbe| Barracão Clowns | 20h

Fotos: Taline Freitas

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Comentários

comments

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.